" Sobre expectativas: Odeio todas elas. 99% me matam. "
" Eu estava lá, sossegada pensando no tempo e em todas coisas que eu precisava fazer. Você surgiu sorrateiramente, e aos poucos me descobri achando no minimo engraçado sermos tão parecidas.
Eu estava lá, fria, e desacreditada nas pessoas… Coisa que ainda persiste com certa força. Mas você apareceu, e conseguiu quebrar os muros que demorei tanto pra construir, eu apenas queria saber porque você fez isso, porque você apareceu.
Não sei como se chama esse sentimento estranho, alguns dizem que é algo chamado amor, porém descofio que isso seja uma coisa mais utopica do que real, então sem definições apenas aprecio esse sentimento, até que um dia ele se dissipe, ou até que um dia eu seja correspondida na mesma intensidade. "
like
" E eu quero muito. Muito. Porque você tem a voz mansinha e só fala coisa inteligente. E você é cínico sem ser maldoso. Mas não, não. Estou morrendo de vontade de ser eu, mas ser eu só tem me feito perder e perder. E eu quero ganhar. Só dessa vez. Chega. E eu quero me dar de bandeja pra você. Chega de fazer tudo errado. E eu te espio da janela, indo embora. E quero berrar o quanto gosto de você. E te pedir em namoro. E rasgar sua roupa. E dormir enroscado no seu cabelo. "
like
like
like
like
like
like
like
like
like
like
like